APRESENTAÇÃO

PRINCÍPIOS

A comunidade cabo-verdiana, uma das maiores comunidades estrangeiras radicadas em Portugal, encontra-se enquadrada por diversas associações e organizações de todo o tipo, que congregam um número significativo de filiados. Mostrou-se, todavia, necessário promover formas superiores de organização que fortalecessem a capacidade de intervenção desta comunidade nos domínios socio-cultural, político e económico.

Um conjunto de princípios que presidiu a este conceito de organização:

No plano político, deverá ter-se presente a criação de condições que visem a participação democrática nas instituições políticas e na actividade pública, ao nível dos Municípios e no plano nacional, fomentando a ideia de integração, como factor de desenvolvimento político, económico e social.

No plano associativo, justifica-se a construção da ideia de um conjunto que represente as várias parcelas individuais de um todo. A consciência da unidade é a própria celebração da caboverdianidade e esperamos que todos o saibam respeitar.

Com esse propósito, as Associações e outras Organizações Cabo-Verdianas em Portugal enumeradas, no final, em Anexo, acordaram na constituição da Federação das Organizações Caboverdeanas cuja escritura teve lugar a 2005-07-05, data em que se celebrou o trigéssimo aniversário da independência de Cabo Verde.

Subir

ESTATUTOS

Faça o download dos estatutos em formato .pdf:pdf
» Estatutos Federação das Organizações Caboverdeanas em Portugal

seta Se não tiver um PDF Reader instalado, faça o download gratuito do Foxit Reader.


Faça o download dos estatutos em formato .doc:pdf
» Estatutos Federação das Organizações Caboverdeanas em Portugal

seta Se não tiver um Office instalado, faça o download gratuito do OpenOffice.

Subir

DIRIGENTES

- Comissão Instaladora -

Assinatura da escritura

Subir

Marvirtual2005 © FEDERAÇÃO webmaster